No dia 14 de junho de 2020, a Florestal Jr. Consultoria UFV recebeu uma demanda de um produtor rural do município de Senador Firmino – MG que consistia em um serviço de consultoria para implantação de pastagem e sistema silvipastoril em sua propriedade.

A área designada para implantação do projeto possui aproximadamente 20 hectares, constituída por uma pastagem natural, braquiária e solo exposto em algumas áreas. O objetivo do cliente era formar uma pastagem produtiva para comportar o seu gado leiteiro, garantindo um melhor conforto térmico para os animais e, ao mesmo tempo, se atentando a preservação da área.

A consultoria contava com a recomendação de implantação de um componente arbóreo e de uma espécie forrageira que serve de alimentação para o gado. A Florestal Jr., como empresa de consultoria florestal, fez a recomendação do componente arbóreo e a recomendação da formação de pastagem foi feita em parceria com a empresa Terra Jr. Consultoria Agropecuária.

Foi feita uma visita a propriedade do cliente a fim de coletar amostras de solo para análise química, coordenadas geográficas e outras informações para melhor caracterização da área em que o projeto seria implantado.

Com todos os dados necessários, ambas as empresas se empenharam para elaboração de dois relatórios finais contendo as informações detalhadas para a implantação do sistema silvipastoril.

Um desafio encontrado no desenvolvimento do projeto foi o relevo acidentado da área de implantação, impedindo a mecanização. Foi relatado também, que nesse mesmo local já foi feito uma gradagem que resultou em uma erosão do solo local. Assim, para sanar esse problema foi feito uma recomendação detalhada de terraceamento nas áreas com o relevo mais acidentado e recomendado o plantio do componente arbóreo em curva de nível, para conservar o solo devido a suas características.

Foram selecionadas duas áreas para implantação do sistema silvipastoril dentro dos 20 hectares, sendo elas de 1,31 e 2,27 hectares, respectivamente. Alinhado a escolha e objetivo do cliente, foi recomendado uma espécie para cada área, a sete-cascas e o eucalipto.

Com os relatórios finais, o cliente pode agora formar sua pastagem juntamente com o sistema silvipastoril, possibilitando assim melhorar sua produtividade, dando o conforto térmico dos animais, a conservação do solo e, se optado pelo cliente, a geração de renda extra com a madeira produzida para múltiplos usos como moirões, carvão vegetal e madeira serrada.

Diretor de Projetos- Vinicíus Moreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WeCreativez WhatsApp Support
Nossos consultores estão aqui para responder às suas dúvidas!
👋 Ei, como posso ajudar?