O projeto consistiu em um inventário tipo Censo Florestal em uma Área Diretamente Afetada (ADA) de 12,62 hectares localizada em uma zona rural no município de Patrocínio do Muriaé (MG), incluindo o levantamento florístico, análise fitossociológica dos indivíduos arbóreos, descrição das espécies herbáceas nativas, o volume estimado em m³ e estéreo, caracterização da tipologia da floresta, identificação de todos os indivíduos, discriminando a ocorrências de espécies raras, endêmicas e ameaçadas de extinção.

 

As atividades de campo foram realizadas no início de agosto por uma equipe da Florestal Jr. composta por Samuel Mazzini, Kamilla Pinto e Kawã Nunes, e o especialista em identificação botânica Otávio Verly. Foram mensurados os indivíduos com DAP (Diâmetro à Altura do Peito) maior ou igual a 5,0 cm e altura maior ou igual a 2 metros, identificados e georreferenciados. 

 

O Censo foi subdivido em 3 áreas, área comum de pastagem com indivíduos isolados, Área de Preservação Permanente (APP) e o fragmento florestal da Reserva Legal. Foram medidos ao todo 1099 indivíduos e o relatório técnico foi elaborado seguindo o termo de referência para Projetos de Intervenção Ambiental, apresentando os resultados dos 3 processamentos dos dados do Censo de cada área, contendo número do indivíduo mensurado; número de fuste ou de bifurcações para o mesmo indivíduo; nome vulgar; nome científico; CAP (Circunferência à Altura do Peito); DAP; altura total; coordenada geográfica de cada indivíduo e a listagem das espécies florestais identificadas.

 Samuel Mazzini – Gerente Do Projeto 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//
Nossos consultores estão aqui para responder às suas dúvidas!
👋 Ei, como posso ajudar?