O Projeto consiste na elaboração de um laudo técnico de identificação da espécie de mogno implantada em 1 hectare de uma propriedade do município de Porto Firme-MG.

Foram feitas análises visuais das condições do plantio de Mogno-africano (Khaya senegalensis A.Chev.), consorciado com o Paricá (Shizolobium amazonicum) além da identificação da espécie cultivada no local com base em suas características vegetativas. Para elaboração do laudo técnico foram coletados ramos das diferentes espécies de mogno, Mogno-brasileiro (Swietenia macrophylla King), e os Mognos-africanos (Khaya ivorensis A. Chev. e Khaya senegalensis A. Chev.) e comparadas a amostragem feita no local. Assim, foi possível reconhecer a espécie implantada bem como as características gerais presentes na área.

A realização do projeto proporcionou que os conhecimentos adquiridos de taxonomia e dendrologia aprendidos na graduação fossem colocados em prática, além da experiência adquirida com a vivência de situações na qual um Engenheiro Florestal está apto a atuar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *