As festividades de formatura reservam uma ocasião especial para o plantio de uma árvore, que será a referência para todos, a partir de então. Ao longo do tempo, a tradição foi-se firmando e o plantio da árvore da turma é o marco de cada um dos grupos de novos profissionais que deixam a Universidade.

Um dos pioneiros da preservação ambiental no Brasil, o professor Arlindo de Paula Gonçalves dedicou parte importante de sua vida a tudo que dissesse respeito às árvores que registram a passagem das várias turmas pela UFV. A Associação dos Ex-Alunos possui precioso legado na forma de um caderno, no qual o professor Arlindo registrou, durante anos, como curador das árvores de turma, dados referentes a cada uma delas, a partir de 1931.

Muitas dessas árvores constituem, atualmente, pontos de referência no campus, pelo porte majestoso e pela vitalidade com que registram a ligação dos ex-alunos com a Instituição.

Dessa forma, a Florestal Jr. deixa seu legado, na revisão destes documentos históricos, com o georreferenciamento de todas as árvores de formatura presentes no campus, para fins de contemplação dos profissionais representados pelas essências florestais, assim como forma de dar continuidade ao trabalho do digníssimo professor Arlindo de Paula.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *